Oitavos de final da Taça Distrito de Évora jogam-se durante o feriado

Jogam-se amanhã os oitavos de final da Taça Distrito de Évora “Dinis Vital”, onde estão ainda quatro equipas do concelho de Montemor-o-Novo, em competição.

O Fazendas do Cortiço desloca-se até Reguengos de Monsaraz, onde defronta o Atlético de Reguengos. O Foros de Vale de Figueira viaja até ao terreno do Sporting Viana. Cabrela e Cortiçadas de Lavre jogam entre si, em mais um derby montemorense.

O Fazendas do Cortiço vai até a Reguengos de Monsaraz uma equipa que ainda não perdeu esta temporada. Francisco Martins, treinador do Fazendas do Cortiço, considera este jogo “extremamente difícil, na casa de um adversário que perante os resultados que tem feito e da forma como se tem batido, aprece-me ser uma das equipas com melhor qualidade, nesta distrital, deste ano”.

Para a Taça Distrito de Évora o Cabrela joga em casa com o Cortiçadas de Lavre, mais um derby do concelho de Montemor. O treinador do Cabrela, André Repolho, admite que “claramente somos favoritos porque somos de uma Liga superior à das Cortiçadas  mas isso vale o que vale”, acrescentando que, apesar disto, nada está ganho.

Pelo lado do Cortiçadas de Lavre, o treinador Joaquim Soares, refere que este é “mais um derby do nosso concelho, mais um jogo difícil para nós”, onde a sua equipa vai tentar passar a eliminatória.

Quanto aos Foros de Vale Figueira que, para a Taça vai até ao terreno do Sporting de Viana, Pedro Pereira, treinador dos Foros, refere que esta partida ainda vai ser mais difícil do que a anterior, em que perderam por 7-0 com o Arcoense, líder da Liga da Associação de Futebol de Évora. O técnico dos Foros adianta que a equipa ficou psicologicamente afetada com a goleada sofrida em Arcos, que “está a passar na preparação da equipa, para o jogo de Viana. Pode ser ainda mais difícil porque é uma equipa de Elite, que tem grandes jogadores”.

Os oitavos de final da Taça Distrito de Évora que se joga amanhã, a partir das 15 horas.