Dia da Memória das Vítimas da Estrada é domingo em Évora

No âmbito das celebrações do Dia Mundial em Memória das Vítimas da Estrada 2021, a GARE – Associação para a Promoção de uma Cultura de Segurança Rodoviária e a  Estrada Viva – Liga de Associações de Cidadania Rodoviária Mobilidade Segura e Sustentável promovem, com o apoio de diversas entidades públicas e privadas, as celebrações nacionais do Dia Mundial em Memória das Vítimas da Estrada 2021, em Évora, no próximo domingo, dia 21.

O programa anunciado inclui missa na Sé Catedral, às 9.30 horas, com a presença do arcebispo de Évora; concentração na Praça do Geraldo, às 10.30 horas; marcha lenta da Praça do Geral ao Jardim da Memória, às 11 horas; chegada ao Memorial às 11.30 horas, com cerimónia das varas e momento musical; e sessão solene ao meio-dia. A programação encerra às 13 horas.

O espírito desta celebração é de que a evocação pública da memória daqueles que perderam a vida ou a saúde nas estradas e ruas nacionais significa um reconhecimento, por parte do Estado e da sociedade, da trágica dimensão da sinistralidade, e ajuda os sobreviventes a conviver com o trauma de memórias dolorosas resultantes de desastres rodoviários. A morte e lesão por desastre de viação são ocorrências repentinas, violentas e traumáticas, e o seu impacto duradouro, muitas vezes, permanente.

A cada ano, milhões de enlutados e vítimas de todo o planeta juntam-se aos muitos milhões que já sofrem em resultado de desastres de viação. O Dia da Memória responde, assim, à intensa necessidade sentida pelas vítimas e seus entes queridos de verem a sua perda e a sua dor publicamente reconhecidas.