“Apolo Descapotável” estreia amanhã em Montemor-o-Novo

Estreia amanhã, no Cineteatro Curvo Semedo, em Montemor-o-Novo, a peça de teatro Apolo Descapotável, produzida pela associação montemorense, Alma D’arame, inserida no programa do Mês do Teatro. Esta é uma iniciativa promovida pela Câmara Municipal de Montemor-o-Novo, em colaboração com diversas entidades artísticas do concelho e pela Direção Geral de Artes.

Amândio Anastácio, diretor artístico da associação Alma D’arame, cenógrafo e encenador desta peça, revela que, na Apolo Descapotável, participam os dois atores, Jorge Serena e Paulo Quedas, com música ao vivo de João Bastos. Quanto à peça em si, o cenógrafo explica que este é um espetáculo “transdisciplinar, que mistura teatro, performance, música ao vivo, é uma peça inspirada a partir de um texto clássico do António José da Silva, “o Judeu””.

A peça Apolo Descapotável vai estrear durante este mês do teatro, e tal como explica o cenógrafo e encenador da peça, este já é um hábito da Associação, ao apresentar várias peças pela primeira vez, neste mês de outubro, em Montemor-o-Novo. Mais tarde a peça irá estar em palco em Lisboa, “dia 15 e 16, apresentamos duas sessões, no Teatro Ibérico”.

Amândio Anastácio deixa ainda o convite, “venham ao teatro, o teatro é essencial para a vida”, a todos os que queiram assistir às peças da Associação Alma D’arame, que são várias, ao longo desta programação do Mês do Teatro, em Montemor-o-Novo, relembrando que todas as medidas de segurança implementadas pela Direção Geral de Saúde serão asseguradas.

O espetáculo que vai estrear amanhã, estará em exibição até ao dia 9 de outubro, contando com encenação e cenografia de Amândio Anastácio e Paulo Oliveira, texto de Paulo Oliveira, interpretação de Jorge Serena e Paulo Quedas, música de João Bastos e desenho de luz de João Sofio.

Os bilhetes podem ser adquiridos online através do email teatro.cm-montemornovo.pt, no posto de turismo de Montemor-o-Novo, nas Juntas de Freguesia ou nos locais onde se realizam os eventos.