Semana Europeia do Desporto até dia 1 de outubro no Alentejo

A Semana Europeia do Desporto já começou e decorre até dia 30 de Setembro. Esta é uma iniciativa desenvolvida pela Comissão Europeia, sendo a sétima edição deste projeto, coordenada em Portugal pelo Instituto Português do desporto e Juventude. Esta semana desportiva tem como objetivo promover o desporto e a atividade física, em toda a Europa, junto de toda a comunidade.

“É uma semana onde vamos ter, na Direção Regional do Alentejo, um programa bastante ambicioso e diverso, espalhado pela região do Alentejo”, como explica Miguel Rasquinho, Diretor Regional do Instituto Português do Desporto e Juventude.

O Diretor Regional da IPDJ do Alentejo realça ainda a importância que esta semana europeia tem na vida de todos, uma vez que é necessário promover hábitos de vida mais saudáveis, “massificando a prática desportiva, de forma lúdica, obviamente que a competição é importante, mas aquilo que queremos é que cada vez mais pessoas, da região alentejana, pratiquem atividade desportiva.

Quanto ao programa para esta semana do desporto, Miguel Rasquinho explica que serão várias as atividades propostas, “demonstrações náuticas, aulas de zumba, trampolim, aulas de bodysurfing, caminhadas, demonstrações de Boccia, em conjunto com a fundação Inatel”, revelando que o programa se estende a várias instituições, desde Escolas a IPSS, “oferecendo kits desportivos, para que toda a prática desportiva chegue ao jovens, aos menos jovens, às pessoas com deficiência, com mobilidade reduzida”. Para as diversas atividades espalhadas, pela região do Alentejo, não será necessário inscrição, “basta verificar o programa disponível, nas redes sociais e no portal do IPDJ”.

Quanto às medidas de prevenção à covid-19, Miguel Rasquinho, garante que todas as recomendações da DGS serão asseguradas e que como a maior parte das atividades se realizam ao ar livre, a máscara não será necessária, se o distanciamento físico for praticado.

A Semana Europeia do Desporto pretende contribuir, de maneira significativa, para a melhoria da saúde, da qualidade de vida e do bem-estar dos cidadãos/cidadãs da Europa, através do aumento da participação da prática desportiva e da redução do tempo passado em comportamentos sedentários.