Câmara de Mora requalifica rotundas a pensar na sustentabilidade ambiental

A Câmara Municipal de Mora está a proceder à requalificação de rotundas em alguns pontos do concelho, com o principal objetivo de eliminar as zonas de relva e promover uma maior sustentabilidade ambiental.

O presidente da Câmara de Mora, Luís Simão de Matos, revela que a manutenção dessas rotundas, quer em Mora, quer em Cabeção e Pavia, acaba por ser cara, com um consumo muito grande de água, sobretudo no verão, sendo que a intervenção levada a cabo promete deixar aquelas infraestruturas “ainda mais bonitas”.

“Temos de ter a consciência que o futuro tem de ser sustentável e que temos de deixar um legado para que, quem venha a seguir a nós, não ponha em causa a sustentabilidade dos ecossistemas”, comenta o autarca. “Queremos reduzir a quantidade de água que gastamos desnecessariamente, com a rega da relva nessas rotundas”, diz ainda.

A autarquia de Mora aposta assim no reforço do investimento em meios que respondam adequadamente às necessidades ambientais que são cada vez mais prementes, promovendo o uso inteligente dos recursos naturais.