Jesuíno Simões homenageado com sala no Cineteatro de Viana do Alentejo

Decorreu, no passado dia 31 de julho, no Cineteatro de Viana do Alentejo, a cerimónia que deu lugar ao descerramento da placa com o nome de Jesuíno Simões, o construtor do imponente edifício, que dá agora nome à sala de rés-do-chão, denominada plateia.

Esta homenagem surge no seguimento da apresentação do livro “Jesuíno Simões e a construção do Cineteatro de Viana do Alentejo”, da autoria de Francisco José Baião e Manuel José Baião, editado pelo Município, e contou com as presenças de Bengalinha Pinto, presidente da Câmara Municipal de Viana do Alentejo, Manuel José Baião, um dos autores e Teresa Simões Mendonça, neta de Jesuíno Simões.

Para Bengalinha Pinto, esta é mais uma obra de grande relevo para a história local, permitindo “um melhor conhecimento e um maior enriquecimento da nossa comunidade, não só a nível local, mas também regional e até nacional”.

Manuel José Baião referiu que este livro “pretende homenagear todos aqueles que, sem qualquer tipo de ferramenta elétrica ou qualquer outro tipo de motorização, com o seu trabalho, engenho e arte, ergueram do nada, no Curral das Caladas, este belo edifício”.

Já Teresa Simões Mendonça agradeceu a homenagem, realçando que se trata de “um espaço e um livro fantásticos”.

Esta nova obra, para além de homenagear Jesuíno Simões, procura também dar a conhecer outros aspetos importantes da freguesia, nomeadamente como era o mundo do espetáculo em Viana do Alentejo, em meados do século XIX, e a vila, em meados do século XX, aquando da construção do novo Cineteatro Vianense.

O livro encontra-se disponível para venda nos Postos de Turismo do Concelho, em Viana do Alentejo, no Castelo, e em Alcáçovas, no Paço dos Henriques.