Grupo União Sport sobe ao nacional após término do distrital

rafael-jeremias__oez5raO Grupo União Sport, de Montemor-o-Novo, vai subir ao Campeonato Nacional de Seniores após ter sido dado como terminado o campeonato distrital da Associação de Futebol de Évora, na reunião de clubes que decorreu na passada terça-feira.

A decisão surge após a paragem de quase três meses, devido à pandemia, e numa altura em que a situação dos clubes é muito delicada.

Rafael Jeremias, presidente do Grupo União Sport, explica que “esta decisão ainda tem que ser homologada, ao fim de dez dias”. No que diz respeito à participação do GUS na Taça Dinis Vital, o presidente do clube garante que “é uma situação que tem que ser analisada porque caso subam aos nacionais não há férias entre uma competição e a outra. A taça vai decorrer até ao final de junho. O campeonato nacional de seniores começa em agosto, logo os atletas terão que começar a treinar em julho o que significa que não vamos ter férias. Como é óbvio, o GUS tem todo o interesse em disputar as Taça Dinis Vital mas temos que ponderar estes aspetos todos”.

Quanto à subida ao nacional, “estamos a falar de valores muito elevados no que diz respeito a taxas de jogo e outras despesas que no distrital não acontecem. Não sabemos se ficamos na série de Lisboa ou do Algarve. No distrital pagamos 200 euros de taxa de jogo e no nacional, a juntar o policiamento, estamos a falar de cerca de 1000 euros para jogos em casa e as verbas não esticam”.

GUSA Taça Dinis Vital, da Associação de Futebol de Évora, vai manter-se mas em parâmetros diferentes e apenas para os clubes interessados.

O Grupo União Sport, consoante os jogos que fez, terminou o campeonato com uma média de 2.56 pontos, seguido do Estrela de Vendas Novas com 2.50 pontos.