Futebol: U. Montemor escorrega em Arraiolos e Cortiço alcança primeiro ponto

1986517b-f576-46e9-8938-056cfb9546fdEste domingo, 15 de novembro, jogou-se a 6.ª jornada da Divisão de Elite e da Liga AFE, da Associação de Futebol de Évora, uma jornada em que, devido ao Estado de Emergência, os jogos realizam-se a partir das 10h30.

As equipas do concelho de Montemor não perderam nesta jornada. Na Elite, o Grupo União Sport foi empatar 2-2 em Arraiolos, deixando escapar os primeiros pontos no campeonato, o Escouralense recebeu e venceu por 1-0 o Corval, quase um mês depois da última partida disputada, e o Cortiço alcançou o primeiro ponto do campeonato, empatando 2-2, após ter estado a perder por 0-2, com o Canaviais. Na Liga AFE, o Cabrela viajou até Oriola onde impôs a primeira derrota ao Oriolenses por 1-2.

Sobre a partida que a RNA acompanhou com relato, o embate entre Arraiolense e  Grupo União Sport, a equipa do União entrou com Marvin na frente de ataque, a substituir o castigado Bruno Machado. O Arraiolense entrou melhor no jogo e mais pressionante, com dois lances perigosos pela direita. Contudo, aos 9 minutos, seria o União a inaugurar o marcador, com um extraordinário golo de Pipo, uma autêntica bomba que seguiu até ao ângulo superior direito da baliza à guarda de Paulo Cuba, que não teve qualquer hipótese de defesa. O Arraiolense não baixou os braços e, aos 20 minutos, após canto do lado direito, com a defensiva alvinegra a não estar bem, Marmeleira encostou de cabeça para o empate. O União, através de Marvin, ainda teve boa chance para marcar ao cair do pano da 1.ª parte, no entanto, o avançado não conseguiu corresponder ao passe de Pipo. Ao intervalo o empate justificava-se, com uma partida equilibrada e bem disputada em Arraiolos, com ambas as equipas à procura do golo.

A 2.ª parte iniciou sem substituições. Tal com na etapa primeira, o Arraiolense entrou melhor, a pressionar e, inclusivamente, a criar perigo. Aos 59 minutos, Nuno Brás ainda defendeu à primeira para canto, mas o Arraiolense iria conseguir a cambalhota no marcador, com Rui Martins a cabecear para o fundo das redes alvinegras, concretizando o 2-1. Cipriano Madeira, aos 63 minutos, sem ninguém no banco para o ataque, fez entrar Ricardo Bernardo para o lugar de João Diniz. A equipa montemorense iria restabelecer a igualdade, aos 66 minutos, com Pipo a bisar na partida, novamente com uma bomba imparável para o guardião do Arraiolense. A equipa da casa iria efetuar dupla alteração, entrando Rogério e António Patuleia, para os lugares de Rui Martins e Bernardo. Após o segundo golo do União, o Arraiolense decaíu fisicamente e o União aproveitava para carregar, porém, o conjunto da casa não baixou os braços. O União faria nova alteração, aos 80 minutos, com Rui Pereira a render Marvin, o único avançado em campo, passando de um 4-3-3 para um 4-4-2. Aos 85 minutos, no Arraiolense, João Semedo entrou para o lugar de Bugio. Aos 88 minutos, no Arraiolense, Tiago Gomes substituiu o lesionado Marmeleira e, no União, João Machado e Luís Madeira renderam Rúben Varela e Pipo, com o conjunto forasteiro a mudar novamente o esquema de jogo. O desafio terminaria com o Arraiolense a roubar os primeiros pontos ao União neste campeonato, num empate que se pode considerar justo. A União teve muitas dificuldades em Arraiolos, sendo de tirar o chapéu à equipa de João Rolo, que se bateu galhardamente, numa bela partida de futebol.

Resultados:

Divisão de Elite: Arraiolense 2-2 U. Montemor, Aguiar 2-2 Monte Trigo, Escouralense 1-0 Corval, Fazendas do Cortiço 2-2 Canaviais, At. Reguengos 1-4 Lusitano Évora, Portel 1-2 Estrela Vendas Novas, Sp. Viana – Alcaçovense (adiado para 13 janeiro). Descansou: Redondense

Liga AFE: Bencatelense 1-1 Arcoense, Perolivense 2-1 Santana do Campo, Borbense 2-1 Outeiro, Vera Cruz 0-4 Tourega, Oriolenses 0-1 Cabrela, Estremoz – O Calipolense (adiado para 3 janeiro). Descansou: Lusit. Évora SAD B.