Último sorteio da Campanha “Compre no Comércio Local – Vales Solidários” já tem vencedores

3º sorteio vales novembroDecorreu na passada sexta-feira, 6 de novembro, no salão da Junta de Freguesia de
Viana do Alentejo, o terceiro e último sorteio da Campanha “Compre no Comércio
Local – Vales Solidários”, promovida pelo Município de Viana em parceria com a
ADRAL – Agência de Desenvolvimento Regional do Alentejo, com o objetivo de ajudar
a revitalizar a economia local.

A campanha, que começou a 1 de agosto e terminou no passado dia 31 de outubro,
premiou com vales os clientes, por cada compra no valor de 10,00€ que fizeram nas
lojas aderentes, habilitando-os a um sorteio mensal no valor de 300,00€ para o 1º
prémio, 200,00€ para o 2º prémio, 100,00€ para o 3º prémio e 50,00€ para o 4º e 5º
prémio.

Este 3º sorteio, transmitido em direto no Facebook do Município, ditou os seguintes
vencedores:

– 1º Prémio: – Talão – 79985, Nome – Adriana Ramalhinho, Estabelecimento – Meu Super (Viana do Alentejo)

– 2º Prémio: – Talão – 75807, Nome – Manuela Horta Nova, Estabelecimento – Farmácia Nova (Viana do Alentejo);

– 3º Prémio: – Talão – 79578, Nome – Maria Palma, Estabelecimento – Meu Super (Alcáçovas);

– 4º Prémio:- Talão – 83173, Nome – José Reis Branco, Estabelecimento – Sociedade Comercial e Moagem (Viana do Alentejo);

– 5º Prémio: – Talão – 78962, Nome – Miguel Maurício, Estabelecimento – Super Branco (Viana do Alentejo)

Entretanto, os premiados serão contactados e têm um prazo de 30 dias, contado após
a data do sorteio para reclamarem os prémios, através do endereço eletrónico
gadecon@cm-vianadoalentejo.pt ou dirigindo-se pessoalmente aos Balcões
Municipais – Alcáçovas e Viana do Alentejo – ou Junta de Freguesia de Aguiar. Os
prémios só poderão ser levantados pelos premiados munidos de um documento de
identificação válido, do “canhoto” numerado e do talão ou fatura da compra indicado
no cupão sorteado. Caso o prémio não seja reclamado no prazo estipulado, o
premiado perde o direito ao prémio, conforme estipulado nas normas da Campanha.
Esta, que foi uma campanha que contou com a participação de 83 estabelecimentos
do concelho, registou uma forte adesão por parte da população dinamizando assim o
comércio local em altura de pandemia.