Rui Horta é o convidado do programa Dá-te a Conhecer

Rui HortaO sonho de montar uma residência que desse apoio a artistas de teatro, dança, entre outros fez com que Rui Horta (na foto) deixa-se para trás Nova Iorque e Frankfurt, rumo a Portugal.

Montemor-o-Novo foi a cidade escolhida, porque já na altura, há 20 anos atrás tinha muita ligação à cultura e um autarca muito dinâmico que o recebeu e o ajudou com este sonho de criar uma residência artística chamada Espaço do Tempo.

Sediaram-se no Convento da Saudação, um espaço a precisar de algumas obras que foram sendo feitas. Há dois anos tiveram que sair quando caiu uma das abobadas, mas a câmara fez uma candidatura para recuperar este espaço.

Neste momento, o Espaço do Tempo, de Rui Horta está sediado na Garagem Magina.

Montemor é uma cidade com uma grande tradição cultural, que conta com imensas associações ligadas às artes. O Espaço do Tempo surge do entusiasmo de regressar a Portugal e o Alentejo foi um ato desafiante para o encenador, que conseguiu ver o seu projeto reconhecido a nível nacional graças ao esforço e dedicação, embora Rui Horta reconheça que “a invisibilidade é o que os caracteriza”, porque o Espaço do Tempo vive de acolher, como se fosse uma casa de artistas que este ano vai receber quase 700 artistas que passam por Montemor.

Rui Horta, fundador do Espaço do Tempo é o convidado desta semana do Dá-te a Conhecer, para ouvir a entrevista na integra em radionovaantena.com.