Évora é representante de Portugal na UEFA depois da vitória na Final Nacional da Taça das Regiões

82982519_477462239547208_5875774788621828096_nA Seleção de Seniores Masculinos da Associação de Futebol de Évora venceu, este domingo,
a congénere de Viana do Castelo, nas grandes penalidades, arrebatando o triunfo na fase
nacional da Taça das Regiões.
A AF Évora apura-se, assim, como representante de Portugal na competição da UEFA, que vai
decorrer na Roménia na próxima época desportiva, onde vai estar integrada no grupo 7 com a seleção local, a Filândia e a campeã em título, Polónia.
Foi um percurso imaculado protagonizado pela seleção eborense nesta fase nacional,
vencendo a fase zonal com duas vitórias, sobre o Algarve (2-0) e Beja (3-1), garantindo o
primeiro lugar no grupo e a presença inédita na fase final nacional, ao cabo da terceira
participação.
No último fim de semana, em Castelo Branco, Évora empatou com a equipa da casa (1-1) e
venceu Lisboa (2-1), ficando depois à espera do resultado do último jogo do grupo 2,
precisamente entre albicastrenses e lisboetas. Qualquer resultado que não fosse a vitória de Castelo Branco lançaria a Associação de Futebol de Évora para a grande final. E assim
aconteceu. Lisboa venceu Castelo Branco (2-1) e a seleção eborense garantiu a presença na final onde defrontou a seleção de Viana do Castelo, vencedora do grupo 1.
Numa final muito equilibrada e emocionante, as duas equipas não conseguiram marcar durante os 90 minutos, sendo a final decidida na marcação de pontapés da marca de grande penalidade, segundo o regulamento da competição.
Évora foi mais competente e venceu por 4-3, caribando o passaporte para a Roménia onde vai ser o representante de Portugal na UEFA.
Uma vitória tão difícil quão justa uma vez que a Associação de Futebol de Évora foi a única
equipa do País que realizou todo o seu percurso sem derrotas: cinco jogos, quatro vitórias e um empate.