Estrada entre Borba e Vila Viçosa não tem forma de ser reaberta

EstradaPedreira“Não há forma de poder abrir” ao tráfego a estrada entre Borba e Vila Viçosa. A afirmação é de João Matos Fernandes, ministro do Ambiente, na apresentação do Plano de Intervenção nas Pedreiras em Situação Crítica. Para o governante, não é uma questão de “falta de vontade política”, mas sim um problema “de segurança”. O ministro João Pedro Matos Fernandes salientou ainda que os proprietários das pedreiras localizadas junto à estrada apresentaram um  plano de recuperação das anomalias existentes, mas o Ministério “ainda não concluiu a sua apreciação, por ser de grande complexidade”.

Amanhã, terça-feira 19 de novembro, passa um ano sobre o acidente num troço de cerca de 100 metros da estrada entre Borba e Vila Viçosa, que colapsou devido à derrocada de um grande volume de rochas, blocos de mármore e terra para o interior de duas pedreiras, provocando cinco vítimas mortais.