As fraudes e burlas financeiras em idosos em destaque na rubrica da “DECO”

Isabel Curvo DECO2019As fraudes financeiras, burlas e esquemas maliciosos são cada vez mais frequentes, principalmente em idosos. E desta forma a DECO considera que os consumidores devem estar devidamente informados, de forma a prevenir este tipo de situações

A jurista da DECO, Isabel Curvo, refere alguns exemplos, como “o acesso a sites pouco fidedignos, em que são pedidas informações pessoais, a assinatura de documentos sem verificar as propostas contratuais”. A jurista aconselha a “não fornecer dados pessoais, e a nunca abrir a porta a estranhos, principalmente se estiver sozinho em casa, porque quem se dedica a este tipo de burla usa sempre o mesmo tipo de esquema, como a apresentação e discurso cuidados, deve ser feita uma análise às propostas apresentadas, de forma a perceber se são ou não fidedignas.

As fraudes financeiras e burlas são o tema em destaque esta semana na rubrica da DECO, com a jurista Isabel Curvo.