Futebol: União de Montemor regressa às vitórias e Cabrela festeja subida à Elite

GUS_Portel (2)Este domingo, 14 de abril, jogou-se a 24.ª jornada dos campeonatos distritais de seniores da Associação de Futebol de Évora.

Na Elite, o União de Montemor regressou às vitórias, batendo no 1.ª de Maio o Portel por 2-0, num resultado que podia ser muito mais amplo, caso o União tivesse sido mais eficaz.

Na Liga AFE, todas as equipas do concelho de Montemor também jogaram em casa e foram 100% vitoriosas. O Escouralense venceu o Aguiar por 2-1, o Cabrela fez a festa da subida ao bater o Bencatelense por 5-3, o Fazendas do Cortiço triunfou diante do Estremoz por 1-0 regressando também às vitórias, enquanto que o Valenças ganhou por 5-4 ao Santana do Campo.

No jogo que a RNA acompanhou com relato – o U. Montemor-Portel – a equipa da casa, que não vencia há 4 jogos, começou da melhor forma a partida desta tarde, pois logo aos 7 minutos Miguel Serrano inaugura o marcador com um golaço, batendo um livre da direita, com o esférico a fazer um arco, anichando-se de forma perfeita no canto superior direito, sem hipótese para o guarda-redes do Portel. Aos 44 minutos, o Portel tem chance para empatar, após pontapé de canto, com o avançado Lorran, hoje a jogar a defesa central, a cabecear para fora, naquela que foi a melhor oportunidade do Portel na 1.ª parte. Ao intervalo justificava-se a vantagem do União, numa 1.ª parte algo morna, que valeu pelo golo apontado por Miguel Serrano.
Para o recomeço do encontro não houve substituições em ambas as equipas. O União entrou novamente bem no jogo, com duas oportunidades consecutivas, primeiro por Xande e depois por André Capucho. A primeira alteração do jogo foi efetuada pelo Portel, aos 60 minutos, com Cavaleiro a render Serrano. No minuto seguinte, o União tem nova oportunidade para ampliar a vantagem do União, por Xande, que trabalhava muito mas com os golos a não quererem nada com o melhor marcador do União. O União carregava mas não marcava, por um lado, pela boa exibição de Duarte Marques, guarda-redes do Portel, mas igualmente pela falta de eficácia do União. O Portel fez nova substituição, aos 71 minutos, com Filipe a substituir Tutu, colocando também Lorran na sua posição de origem, na frente de ataque. Também o União mexeu no seu 11 com Kiko Serrano a sair para a entrada de João Canhoto. Aos 77 minutos, o Portel esgota as substituições, com Pedro Miguel a render Bernardo. Pouco depois, e após um fora de jogo mal assinalado, num erro clamoroso da equipa de arbitragem, e que deixava Miguel Serrano na cara do golo, o treinador adjunto do União, Paulo Minhoca, é expulso do banco de suplentes. Acumulavam-se as oportunidades para o União ampliar este resultado, inclusivamente Xande enviou a bola ao ferro. Aos 84 minutos, o União faz nova alteração, com Tony Cabrita a render Jean. Aos 89 minutos, após grande jogada de Miguel Serrano, este cruza atrasado para Xande marcar finalmente o golo da tranquilidade. Aos 90 minutos, na equipa da casa, Pira substitui Miguel Serrano, para a merecida ovação. Já nos descontos, é Canhoto que não consegue faturar aquele que seria mais um golo cantado.
Em resumo, após uma primeira parte pouco produtiva, o União teve uma segunda parte onde a equipa treinada por Cipriano Madeira desperdiçou em demasia, o que também revela o nível de ansiedade existente na formação alvinegra.

Resultados Finais:
Divisão de Elite: Arcoense 2-5At. Reguengos, Estrela Vendas Novas 5-1 Arraiolense, O Calipolense 0-2 Alcaçovense, Juventude Évora 4-0 Monte Trigo, Corval 0-4 Lusit. Évora, U. Montemor 2-0 Portel, Sp. Viana 2-2 Canaviais.

Liga AF Évora: Fazendas do Cortiço 1-0 Estremoz, Cabrela 5-3 Bencatelense, Valenças 5-4 Santana do Campo, Escouralense 2-1 Aguiar, Giesteira 0-7 Borbense, Oriolenses 2-9 SB Outeiro. Descansa: Tourega.