Operação Ano Novo com mais vítimas mortais

GNR-300x225A Operação Ano Novo da GNR terminou à meia-noite e, durante os cinco dias em que decorreu, registou 1189 acidentes, com oito vítimas mortais – mais três do que no ano anterior -, 25 feridos graves e 406 feridos leves.

O Major Abel Adriano, da GNR, justificou “o aumento da sinistralidade com um maior volume de tráfego nas estradas e um excesso de confiança por parte dos condutores”.

Entre as vítimas mortais há cinco condutores, 2 passageiros e 1 peão, um número que representa mais do dobro do ano passado.