70 mil euros para obras de emergência na Escola André de Gouveia em Évora

protesto_escola_de_evora_foto_rosario_silva3462bdc5
Foto: Rosário Silva

O Governo vai disponibilizar 70 mil euros para “resolver os problemas que existem na Escola Secundária André de Gouveia, em Évora, que esta quarta-feira não abriu por falta de condições, anunciou o ministro da Educação.

A promessa foi feita pelo ministro Tiago Brandão Rodrigues durante uma interpelação do CDS-PP ao Governo sobre educação, e em que foi questionado pela deputada do PCP Ana Mesquita sobre a situação na escola de Évora.

A escola, disse, “é uma preocupação” para o Governo e recordou que é um dos estabelecimentos com investimentos previstos no programa 2020, de fundos comunitários, com uma verba prevista de mais de 2,3 milhões de euros.

“Está prevista, no mapa de investimento imediato, uma verba de 70 mil euros para resolver os problemas que existem”, frisou.

Tiago Brandão Rodrigues disse que houve uma reunião no Ministério da Educação com o presidente da câmara de Évora, e o ministro acredita ser possível resolver os problemas que afetam aquele estabelecimento de ensino.