Doze escolas do Alentejo vão testar o Projeto Autonomia e Flexibilidade Curricular

escolasA Direção Geral de Educação lançou para o ano letivo de 2017/2018, em regime de experiência pedagógica, o Projeto de Autonomia e Flexibilidade Curricular.

Este programa tem como objetivo proporcionar aos docentes, dotados de autonomia e flexibilidade, a possibilidade de gerir as aprendizagens, em prol da sua relevância, para os alunos.

No total são 235 as escolas públicas e privada do país, das quais 12 são do Alentejo, a testar este projeto que é aplicado ao ensino básico e secundário.

Da região alentejana fazem parte as seguintes escolas: Escola Profissional da Região Alentejo, Agrupamento de Escolas Nº 3 de Elvas, Agrupamento de Escolas de Gavião (distrito de Portalegre), Agrupamento de Escolas de Portel, Agrupamento de Escolas de Vendas Novas, Agrupamento de Escolas nº2 de Évora (distrito de Évora), Agrupamento de Escolas de Aljustrel, Agrupamento de Escolas de Castro Verde, Agrupamento de Escolas de Cuba, Escola Secundária de Moura (distrito de Beja), Agrupamento de Escolas de Sines e a Escola Secundária Padre António Macedo (alentejo litoral – Setúbal).