Violência doméstica no distrito é tema da “Conversa em Dia”

CarlaBaptistaNAVVDP2No ano passado, foram sinalizados 84 casos de violência doméstica, oito deles pertencentes ao concelho de Elvas, pelo Núcleo de Atendimento a Vítimas de Violência Doméstica do Distrito de Portalegre.

Carla Baptista (na foto ao lado), assistente social no Núcleo de Atendimento à Vítima de Violência Doméstica do distrito de Portalegre, é a convidada na edição de hoje da “Conversa em Dia”, na Rádio ELVAS.

Ouvir aqui “Conversa em Dia”

“Em 64 dos 84 casos sinalizados em 2015 tivemos contacto presencial com as vítimas e tivemos um acompanhamento efetivo das mesmas, em que podemos verificar que nestes contactos presenciais oito pertenciam ao concelho de Elvas, e destas, em quatro casos foi solicitado o acolhimento em instituição, em que os serviços nos procuraram um pouco já no fim da linha, numa resposta de emergência, mas nenhum destes casos se veio a verificar, depois de uma avaliação”, refere Carla Baptista.

Este ano, o Núcleo contabiliza, até à data, cinco casos respeitantes ao concelho de Elvas.

As agressões “são mais regulares, com maior frequência e maior severidade. São ciclos de violência que já predominam na relação há muitos anos, em que a escalada inicialmente começa por uma violência mais ao nível psicológico, que passa mais despercebida, em que muitas vezes são encaradas como provas de amor, e o ciclo da violência começa a escalar e começa a atingir proporções bastante mais graves”.

Atualmente são acompanhadas pessoas “desde os 24 até aos 80 e muitos anos”.