Comboio Portalegre-Entroncamento é para manter

RNA_sem_marcaO transporte ferroviário de passageiros entre Portalegre e Entroncamento é para manter.

A informação foi avançada por Adelaide Teixeira, presidente da Câmara Municipal de Portalegre, que revela: “penso que irá continuar, uma vez que há uma decisão a nível da Assembleia da República para que a linha do leste se mantenha e até que seja alargada a mais dias para além daqueles que estão neste momento a ser colocados à disposição da população”.

A autarca portalegrense revelou ainda à RNA: “vamos fazer uma análise no sentido de fazer o ponto da situação e tentar melhorar esta linha, há condições para que se possa melhorar a nível da internet, porque as carruagens não têm e hoje em dia é fundamental que tenham, a nível do próprio conforto e qualidade, uma vez que é um transporte para uso dos cidadãos e temos que lhes dar também qualidade e tem que ser competitivo para que seja também rentável”.

Vai entretanto decorrer uma reunião, garantindo Adelaide Teixeira: “é ponto assente que não há volta a dar na reversão dessa decisão, será para se manter e vamos continuar a apostar na linha do leste”.

Recorde-se que o transporte ferroviário de passageiros entre Portalegre e Entroncamento teve início em setembro de 2015, por um período experimental de seis meses.