“Plano 100” apresentado em Évora

Plano100A injeção de 100 milhões de euros na economia em 100 dias. Este é o objetivo do “Plano 100” apresentado em Évora.

A iniciativa do Governo visa acelerar o investimento empresarial, através dos fundos europeus estruturais.

“Havia um atraso na execução dos fundos estruturais”, começou por observar o secretário de Estado do Desenvolvimento e Coesão, Nelson de Souza.

O governante realçou que os fundos estruturais “são a única janela para promover o investimento” e que “este plano é um primeiro sinal da prioridade do Governo”.

Segundo o secretário de Estado, decorrido pouco mais de um mês do lançamento do plano o Governo já executou “43 por cento da meta” fixada.

O “Plano” 100 integra um conjunto de medidas de agilização do acesso aos fundos europeus estruturais, no âmbito do programa Portugal 2020, com o objetivo de facilitar e potenciar o investimento das empresas.

Entre as medidas, estão a flexibilização das regras de adiantamentos, a redução da exigência de garantias bancárias ou uma nova linha de garantia mútua para adiantamentos.