Deco alerta para endividamento com compras de Natal

Mara_ConstantinoOs consumidores portugueses deverão gastar entre 300 e 500 euros este Natal em presentes, decoração, alimentação, eventos sociais, entre outros.

A Deco – Associação de Defesa do Consumidor, alerta no entanto que deverão ser tidas em conta as consequências do consumismo em época natalícia.

Mara Constantino revela que em janeiro aumentam os pedidos de apoio devido ao “endividamento registado na quadra festiva”.

A jurista da delegação de Évora da Deco aconselha a que seja feito um orçamento natalício e deixa alguns conselhos para ajudar a reduzir os custos na época do Natal.

Ouvir aqui Conversa em Dia