Estremoz: Município reduziu dívida nos últimos 6 anos

PassosCoelhoEstremozO município de Estremoz reduziu, em 6 anos, a sua divida, em cerca de 4 milhões de euros. Segundo o autarca de Estremoz, Luís Mourinha, a autarquia apresentava em 2009 uma dívida à Banca de 6,3 milhões de euros e uma dívida de curto prazo de 4,7 milhões de euros, num total de 11,123 milhões de euros. Neste momento Luís Mourinha afiança que o valor total da dívida se situa em 7,9 milhões, sendo 552 mil euros de dívida a fornecedores.

De acordo com o presidente esta redução “deve-se em parte ao Programa de Apoio à Economia Local lançado pelo Governo.”

O Primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, garante que é essencial que as empresas e as autarquias consigam diminuir a sua divida para conseguirem fazer investimentos no futuro. Passos Coelho frisou ainda importância do país prosseguir um “caminho de desenvidamento”.

Quanto à divida do Estado, Passos Coelho garante “que o Estado não tem ainda diminuído a sua dívida, tem travado o ritmo de endividamento.” O primeiro-ministro avançou que “pela primeira vez, desde os últimos 15 anos, nós iremos sair de um défice excessivo, quer dizer, registaremos um défice inferior a 3%.”