Montemor-o-Novo: Trabalhadores não docentes da EB 2,3 e Secundária em luta

ao_luta_2Os trabalhadores não docentes das Escolas Básica 2,3 de S. João de Deus e Secundária de Montemor-o-Novo reuniram-se na manhã de hoje junto às escolas em protesto pela falta de pessoal que, segundo Celeste Leirias, dirigente sindical e funcionária da Escola Secundária de Montemor-o-Novo, coloca em risco a segurança de alunos e de quem ali trabalha.

Os trabalhadores efetuaram paralizações de uma hora e concentração junto às respetivas escolas.

O protesto contou com a participação do Presidente da Associação de Pais “Escola em Movimento”, Paulo Canas que mostrou a preocupação “com o estado das coisas no agrupamento” e a solidariedade para com os trabalhadores em luta.

Frederico Campos, representante da União de Sindicatos também marcou presença. Para este representante esta é uma luta “por uma escola pública gratuita e de qualidade.”ao_luta_1

Os trabalhadores da Escola Básica 2,3 de S. João de Deus realizaram a sua paralização entre as 8h30 e as 9h30, enquanto que os trabalhadores da Escola Secundária pararam no período das 9h45 às 10h45.