Parlamento Europeu desenvolveu acção de formação

FormaoEstremoz23AbrilO Gabinete do Parlamento Europeu em Portugal promoveu esta quarta-feira, dia 23, uma ação de formação destinada a jornalistas de órgãos de comunicação locais, no âmbito das Eleições Europeias que se realizam a 25 de Maio

Teresa Coutinho do Gabinete do Parlamento Europeu em Portugal, explicou que o “Parlamento é o único órgão da União Europeia eleito democraticamente e representa os 28 estados-membros”. “Atualmente é constituído por 766 eurodeputados, no entanto, depois das eleições de 25 de Maio, vão passar a ser 751 uma vez que estas são as primeiras eleições em que o Tratado de Lisboa vai estar vigor”. “Este tratado implica também uma redução no número de eurodeputados a representar Portugal, de 22 para 21”, garantiu Teresa Coutinho.

Ana Cabo, do gabinete da Comissão Europeia em Portugal, explica que “a Comissão é uma espécie de Governo da União Europeia pois é o órgão que apresenta as propostas de legislação que depois irão ser aprovadas pelo Parlamento Europeu e pelo Conselho da União Europeia”. “Este ano, o presidente da Comissão Europeia vai ser eleito através do voto da população”, algo que até aqui não se verificava.

A Comissão Nacional de Eleições (CNE) também esteve representada nesta formação por Domingos Farinho que nos explicou que esta entidade “tem como função acompanhar todos os atos eleitorais e referendários”. O membro da Comissão Nacional de Eleições garante que “é o órgão de comunicação social que decide os critérios a ter em conta quando se acompanha uma campanha eleitoral”.

Ana Pereira, do Centro Europe Dirtect do Alto Alentejo, fez “balanço positivo desta sessão pois permitiu esclarecer e informar o jornalistas”.

A sessão de formação decorreu no Posto de Turismo de Estremoz.