Assinala-se o Dia Mundial da Diabetes.Estudo diz que consumo moderado de café ajuda a reduzir risco

logo-cafesaude1Assinala-se hoje o Dia Mundial da Diabetes e segundo um estudo internacional do Instituto de Informação Científica sobre o café, o consumo moderado de café pode reduzir até 25% o risco de desenvolvimentos de diabetes tipo 2.

No seguimento de um teste oral de tolerância de glucose, a investigação apurou que foram reduzidas as respostas iniciais de glucose e insulina, sustentando o efeito benéfico do café.

Para Teresa Ruivo, Gestora do Programa Café & Saúde em Portugal, são duas as teorias que sustentam esta conclusão: o facto da cafeína estimular o metabolismo e aumentar o gasto de energia e o papel decisivo dos componentes do café ao equilibrarem os níveis de glucose dentro do corpo.

A Diabetes atinge mais de 371 milhões de pessoas em todo o mundo, correspondendo a 8,3% da população mundial e continua a aumentar em todos os países. Em mais de 50% destes casos, a diabetes não foi ainda diagnosticada, prosseguindo a sua evolução silenciosa.

Em 2012 a Diabetes matou 4,8 milhões de pessoas, metade das quais tinham menos de 60 anos.

Portugal posiciona-se entre os países Europeus que registam uma mais elevada taxa de prevalência.

O Programa “Café e Saúde” foi implementado em Portugal, em 2007, pela Associação Industrial e Comercial do Café com o objetivo de mudar a atitude dos profissionais de saúde relativamente ao consumo de café e desvendar mitos sobre a sua ingestão, e mostrar os seus benefícios como nos diz  Teresa Ruivo, a Secretária geral da Associação Industrial e Comercial do Café.