Portas apresentou demissão a Passos Coelho

Paulo_portasO ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros,  Paulo Portas, apresentou hoje o seu pedido de demissão ao primeiro-ministro,  Pedro Passos Coelho.

Depois de ontem ter sido o número dois do Governo a demitir-se, hoje surge a notícia da demissão de Portas, líder do CDS PP.

O líder do CDS apresenta como “irrevogável” a sua decisão de sair do Governo e justifica a demissão com a escolha de Maria Luís Albuquerque para substituir Vítor Gaspar

Portas declarou em comunicado que “em consequência, e tendo em atenção a importância decisiva do Ministério das Finanças, ficar no Governo seria um acto de dissimulação. Não é politicamente sustentável, nem é pessoalmente exigível”, lê-se na nota.

“O Primeiro-Ministro entendeu seguir o caminho da mera continuidade no Ministério das Finanças. Respeito mas discordo”, adiantou

Esta demissão confirma as divergências na coligação que deverá romper-se brevemente.