Exames de Português levam hoje milhares de alunos às escolas

exames2As provas nacionais de Português voltam hoje a encher as salas de aula, com os alunos do básico a iniciar a 2ª fase e os do secundário a repetir o exame que não fizeram devido à greve de professores.

Às 9:30, cerca de 15 mil alunos começam o exame nacional de Português  do 12º ano, que deveriam ter realizado a 17 de junho ainda dentro do calendário da 1ª fase de exames.

A greve dos professores, que tinha começado dez dias antes, impediu  milhares de alunos de realizar a prova e obrigou o Ministério da Educação  e Ciência (MEC) a marcar nova data.

A adesão à greve foi superior a 90%, segundo dados avançados no próprio  dia pelas duas principais estruturas sindicais (Fenprof e FNE), sendo que, ainda assim, mais de 70% dos alunos conseguiram realizar a prova.

Assim, segundo dados do MEC, realizam hoje a prova 15.170 alunos, maioritariamente  do ensino secundário, mas algumas centenas de alunos do ensino básico de  Português Língua Não Materna, que também foram impossibilitados de fazer  o exame tal como estava previsto no dia 17 de junho, devido à greve dos  professores.

Ainda hoje vão também comparecer nas escolas os alunos inscritos para  a 2ª fase do exame de Português dos 6º e 9ºs anos.

Os exames e as provas finais valem 30 por cento na nota final do aluno.