Elvas – isenção do IMI no Centro Histórico

RondaoAlmeida

A Classificação de Elvas como Património da Humanidade prevê a isenção de IMI –Imposto Municipal de Imóveis, no centro histórico da cidade, também ele classificado pela UNESCO. Rondão Almeida, presidente do município, refere que esta matéria está a ser estudada pelo executivo, mas tal irá significar uma responsabilidade acrescida aos proprierários

A requalificação do Forte da Graça- monumento nacional, é um dos pré-requisitos para a manutenção e sustentabilidade da classificação mundial. Caso contrário, Elvas corre o risco de perder o estatuto de Património da Humanidade