PJ deteve homem de 62 anos por alegado abuso sexual a criança em Mora

crianca21

A Polícia Judiciária (PJ) anunciou a detenção, no Alentejo, de um homem de 62 anos pela existência de fortes indícios da prática dos crimes de abuso sexual de crianças, coação agravada e de pornografia de menores.

Em comunicado, a PJ explica que os crimes, de que foi vítima uma criança atualmente com 14 anos, terão decorrido entre 2008 e este ano, na zona de Mora, no distrito de Évora.

A detenção foi efetuada pela Diretoria de Lisboa e Vale do Tejo da PJ, em cumprimento de um mandado emitido pelo Ministério Público de Arraiolos.