Adega de Pegões recebe Medalha de Ouro (c/ fotos)

A 14 de agosto de 1985, a vila do Montijo era elevada a cidade. Em 2018, as comemorações do 33.º aniversário deste momento histórico ficaram marcadas pela entrega da Medalha de Ouro do Concelho à Cooperativa Agrícola de Sto. Isidro de Pegões, numa cerimónia que decorreu no auditório da Galeria Municipal do Montijo, no dia 14 de agosto.

Mário Figueiredo, presidente da administração da Cooperativa, recebeu a Medalha de Ouro das mãos do presidente da Câmara Municipal do Montijo, Nuno Canta, agradeceu a distinção e assinalou o percurso da empresa até aos dias de hoje.

“Agradeço a todos os colegas da direção, equipa técnica e todos os trabalhadores, não esquecendo aqueles que há 30 anos comigo foram capazes de escrever nas costas de uma letra para arranjar dinheiro para pagar as uvas aos associados. Nesta altura, felizmente, a Cooperativa não necessita disso. Com a colaboração de todos, passámos dos dois milhões de litros de produção anual, para 12 milhões. Esperamos continuar a crescer”, disse.

O presidente da Câmara Municipal do Montijo evidenciou que “no dia da cidade, em que reafirmamos o compromisso de continuar o Montijo e a identidade dos montijenses, quisemos afirmar que a cidade é construída por todos. Para sublinhar o contributo de todos, associámos a estas comemorações a entrega da Medalha de Ouro à Cooperativa Agrícola de Sto. Isidro de Pegões, que é hoje um exemplo na vitivinicultura nacional e leva o nome do Montijo e de Pegões aos quatro cantos do mundo”.

“Esta é também uma homenagem a todos aqueles – diretores, técnicos, enólogo, trabalhadores, associados – que, diariamente, desempenham o seu papel para o engrandecimento da Cooperativa”, acrescentou o autarca.

Nuno Canta salientou, ainda, que a dispersão territorial do concelho não impediu a existência de unidade entre os montijenses, sublinhado a importância das políticas públicas na criação de infraestruturas que potenciam a integração, a coesão territorial e a qualidade de vida dos cidadãos.

A Medalha de Ouro do Concelho é a mais alta distinção que o município pode conceder. A assinalar 60 anos de atividade, a Cooperativa Agrícola de Sto. Isidro de Pegões tem um lugar de destaque no tecido empresarial local, sendo uma instituição de enorme prestígio que projeta o nome do Montijo em Portugal e no estrangeiro.

Para além da entrega da Medalha de Ouro do Concelho, as comemorações do 33.º aniversário da cidade contaram, ainda, com a inauguração da exposição “Arqueologia: desenho científico e outras histórias” de Guida Casella e finalizaram com um magnífico concerto de Camané.

Share on FacebookTweet about this on Twitter