Futebol: U. Montemor vence Lusitano de Évora e regressa às vitórias

2215099087-bolaaaJogou-se este domingo a 13.ª jornada da Divisão de Elite, jogo que encerrou a 1.ª volta do campeonato, e a 12.ª jornada da Divisão de Elite.
Na Elite o Grupo União Sport (GUS) recebeu e venceu por 1-0 o Lusitano de Évora, enquanto que o Cabrela bateu por 4-1 o Perolivense, naquela que foi a sua primeira vitória no campeonato. Já na Liga AFE, o Fazendas do Cortiço empatou no seu reduto a duas bolas com o Santana do Campo, tendo o Valenças descansado esta jornada.
A primeira parte do U. Montemor – Lusitano de Évora foi bem disputada entre os 2 candidatos aos primeiros lugares da Elite. Até aos 15 minutos o jogo foi de equilíbrio, com a curiosidade de só perto dos 10 minutos o árbitro ter apitado para a primeira falta, já que optou por um critério bem largo. A partir daí o União tomou conta do jogo tendo tido duas boas oportunidades para inaugurar o marcador. Ao minuto 16, após um grande passe de Adrien para Capela, este fez um chapéu por cima e, à meia hora de jogo, Miguel Barrenho surgiu muito rápido e de cabeça quase marcou, mas Laurentino a defendeu bem para a barra. Também o Lusitano teve uma grande chance de inaugurar o marcador, aos 25 minutos, aproveitando um erro da defensiva do União mas a bola foi ao lado. Na 1.ª parte surpresa pela positiva para Adrien, que desequilibrou na partida e esteve muito bem no 11 Unionista. Ao intervalo o nulo no marcador aceitava-se, mas a haver equipa em vantagem seria o União, pois dispôs das melhores oportunidades.
No retomar do jogo, o Lusitano efetuou a primeira alteração, saindo o médio defensivo Joel, entrando para o seu lugar o avançado Yoruba. A primeira oportunidade da 2.ª parte seria mais uma vez protagonizada por Adrien, que serviu de bandeja Xande, mas o pontapé do ponta de lança foi à figura do guarda-redes adversário. O Lusitano de Évora teve também uma boa oportunidade com Yoruba a rematar para uma grande defesa de Nuno Brás. Aos 59 minutos, Adrien iria coroar uma grande partida com a sua estreia a marcar pelo GUS, após cruzamento de Rui Pereira. O Lusitano iria efetuar a sua 2.ª alteração, entrando Miguel Serrano para o lugar do amarelado José Quito. Aos 67 minutos sairia sobre fortes e justos aplausos, por parte do União, o lesionado Adrien, entrando para o seu lugar Fábinho. O Lusitano aproveitou também mexer mais uma vez no seu xadrez, saindo Bruno Nascimento, substituido por Vítor Pires. Aos 80 minutos, no Lusitano entrou Bernardo para o lugar de Quico. Perto dos 90 minutos, Xande, que não tinha treinado toda a semana, iria sair após boa exibição, feita também de sacrifício, entrando para o seu lugar Nuno Silva. Já nos descontos o União podia ter matado o jogo mas houve desperdício. Ainda antes do apito final, Cardinhos entrou para o lugar de Fábio Capela.
O União, apesar das muitas lesões, mostrou-se uma equipa personalizada e compacta nesta partida, sendo justa esta vitória importante, que antecede paragem no campeonato. Uma nota de destaque para a grande exibição de Adrien, considerado pela RNA o homem do jogo, em que também a equipa de arbitragem esteve bem.
Resultados Finais:
Divisão de Elite AF Évora: Sp. Viana 1-1 Alcaçovense (20/01), At. Reguengos 0-1 Juventude Évora, Canaviais 1-2 Monte Trigo, U. Montemor 1-0 Lusit. Évora, Cabrela 4-1 Perolivense, Arcoense 1-1 Redondense, Portel 1-0 Corval.

Liga AFE: Arraiolense 3-0 Bencatelense, Tourega 3-2 SB Outeiro, O Calipolense 2-1 Aguiar, Estremoz 1-0 Giesteira, Fazendas do Cortiço 2-2 Santana do Campo. Folga: Valenças