Futebol: U. Montemor escorrega novamente em casa e empata com Sporting de Viana

gus viana 2Este domingo, 19 de novembro, jogou-se a 7ª jornada da Divisão de Elite e a 6ª jornada da Liga AFE.
Nesta jornada da Elite, o Grupo União Sport (GUS) recebeu no seu Estádio 1.º de Maio, na semana em que comemorou os seus 103 anos de existência, o Sporting de Viana.
No arranque da partida o Viana mostrou as suas garras logo nos primeiros minutos, criando muito perigo, com João a levar toda a gente à frente e Nuno Brás a enviar para canto. Aos 13 minutos, na grande área, Cardinhos ganha posição e é derrubado por um defesa contrário, não havendo dúvidas por parte do árbitro que assinalou o castigo máximo. Fábio Neves, na marcação da grande penalidade, envia uma bomba para o lado esquerdo e o guardião do Viana, embora tenha adivinhado o lado, nem com asas lá chegava. O Viana mostrava qualidade de jogo, com jogadores muito bons tecnicamente, no entanto, a não conseguir marcar. O União sem criar grandes oportunidades, a ter uma primeira parte não muito conseguida, sendo melhor o resultado que a exibição. Mesmo no final da primeira parte, o União esteve perto do 2.º golo, com um espetacular pontapé de bicicleta de Ganço e uma oportunidade de Capucho, mas o guarda-redes do Sp. Viana a corresponder.
Já na 2.ª parte, com um União apático, o Viana aproveitou para empatar. Após passe de Dani, Tiago faz chapéu de abas largas à saída de Nuno Brás, e restabelece a igualdade aos 51 minutos. Aos 60 minutos, o capitão Fábio Neves, na transformação de um livre, envia um míssil que raspa a tinta do poste do Viana. Pouco depois foi Adrien que não aproveitou um amortecimento de Xande. Se o cenário não estava fácil pior ficou aos 63 minutos, com André Capucho a ser expulso, ao ver um segundo amarelo por protestos. Perante isto, e para compor a sua linha defensiva, Cipriano Madeira tira Cardinhos e faz entrar Rúben Varela, indo Gando para defesa central. Aos 72 minutos, o União volta a mexer, com Fábinho a render Adrien, que passou um pouco ao lado do encontro. E se a partida era quase de pontapé para a frente, sem fio de jogo, era de bola parada que o União fazia perigar a baliza adversária, nomeadamente por Fábio Neves, que viria vermelho direto por suposta entrada fora de tempo aos 78 minutos. O União, com os seus dois centrais expulsos, acabou com Xande e Ganso a irem para centrais. Nuno Silva iria também ser aposta de Cipriano Madeira a substituir André Pinto, com o avançado a entrar muito bem no jogo. Seria um União já reduzido a 9 jogadores que iria criar as melhores oportunidades. Primeiro aos 80 minutos, após grande jogada de Varela pela esquerda, com Fábinho a falhar o segundo do União, e depois aos 84 minutos, com Xande à boca da baliza a colocar o esférico nas mãos do guarda-redes do Viana. Emerson Mateus, Treinador do Viana, que já havia efetuado dupla substituição, iria colocar Rui Roque para os últimos minutos do jogo. O União fazia das “tripas coração” para desfazer a igualdade e alcançar os 3 pontos, contudo, a partida chegaria ao seu término com o empate a 1 bola a manter-se.
Em suma este foi um mau jogo de futebol, em que o União só acordou quando se viu reduzido a 9 jogadores, sendo por isso um resultado que castiga a formação da casa.

Em relação às restantes equipas do concelho de Montemor, todas merecem destaque. Na Elite, o Cabrela foi roubar pontos a Arcos,a equipa surpresa do campeonato. Já na Liga AFE o Cortiço conseguiu impor a primeira derrota do líder Arraiolense e o Valenças a alcançou um empate diante do Santana do Campo.
Resultados Finais:
Divisão de Elite: Arcoense 1-1 Cabrela, U. Montemor 1-1 Sporting Viana, Canaviais 2-3 Portel, At. Reguengos 3-1 Corval, Monte Trigo 0-2 Alcaçovense, Lusitano de Évora 2-0 Perolivense, Juventude 2-2 Redondense.

Liga AFE: Tourega 0-2 Estremoz, Arraiolense 2-3 Fazendas do Cortiço, Valenças 2-2 Santana do Campo, Bencatelense 2-1 Giesteira, São Bartolomeu do Outeiro 3-0 Aguiar. Folga: Calipolense